__________ Itapema, suas histórias... __________

quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

VERÃO NA ILHA




Guarujá, Pérola do Atlântico [imagem ao lado]. Éden no qual o sol brilha para todos e a sombra é para alguns. Cujas praias paradisíacas de macia areia são um convite às sereias biquinescas bronzearem seus corpos divinais...
"Oh, meu Santo Amaro... Se trombo um mulherão desses! Montava na grana. Adeus miserê! - Exímio predador, Caiçara vigiava o movimento das beldades. Tantos tesouros estirados haveria de encontrar seu baú. Em breve singraria aquele oceano numa lancha de fazer inveja aos banhistas da orla.
Espreitando por trás dos óculos-escuros escolheu sua presa. Ela também parecia fisgá-lo com o balanço selvagem das ancas dentro da canga colorida. Uma portenha que faria cair o queixo do próprio Gardel. Ele parecia um belo exemplar de ilhéu endinheirado. Sugeriu sentarem-se à beira-mar no melhor quiosque...
A "PÉROLA DO ATLÂNTICO" REFÚGIO DAS SEREIAS BIQUINESCAS - LITORAL PAULISTA.

"É na base do aperitivo que eu amacio as carnes dessa perua gringa. Tô sentindo que a maré tá pra mim..."
Descontraída a loira bebericava a caipirinha, pavoneando seu charme num rouco portunhol e uma certa conversa dúbia. Tocando marota o copo refrescante nas curvas quentes daquele corpo suado.
Caiçara estava irrequieto vertia tesão pelos poros, a "lôra gelada" estimulava seu sangue latino. Quis parecer íntimo dos prazeres chiques. Mandou vir do bom e mais caro em termos de petiscos do mar. Previa conhecer a provável casa de veraneio dela na Ilha e então, avaliar o montante da fortuna...
"Paciência...! Deixa o barco correr a favor." - Já empenhara cheque, cartão. Passaria o mês à míngua.






Ousou um toque de sofisticação, dali zarparam para o restaurante. No cardápio "namorado" à milanesa sobremolho de camarão-rosa, Caiçara queria o prato principal... Os gastos triplicavam, e ele impaciente deu a arpoada final. Claro, queria ficar a sós com a muchacha, num lugar aconchegante sobre as ondas.
Ela propôs no solar dele... Era fazer fama e deitar na cama. Surpreso engasgou. Mansão, seu reles barraco na Conceiçãozinha!? Bom, a quem diga que favela é condomínio de pobre... Desconversou.
 BAIRRO SÍTIO CONCEIÇÃOZINHA - MARGEM ESQUERDA DA ILHA DE SANTO AMARO [ITAPEMA/SP].

Justificava desconcertado, que umas tias muito conservadoras estavam a passeio e não ficaria bem. Quem sabe a residência dela... Na verdade hospedara-se num hotel cheio de normas, daí...
A ressaca era eminente. Viu naufragar suas ardilosas pretensões. Solícita ela despediu-se agradecendo pela tarde agradável, tida em companhia daquele gentil cavalheiro... Pobre, Caiçara deu com os burros n'água, só fez chorar "as pitangueiras".

Nenhum comentário:

Postar um comentário